Agroecologia nos assentamentos no sul de MG, por Gilvander Moreira

MST no sul de MG e Agroecologia: que beleza! Por Gilvander Moreira1 O Projeto de Assentamento (PA) Primeiro do Sul, do MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), em Campo do Meio, no sul de Minas Gerais, foi formado, primeiro, para produzir alimentos com a finalidade de matar a fome e eliminar a miséria que reinava no seio das 48 famílias camponesas assentadas. Ainda não se tinha a consciência do paradigma agroecológico.

Agroecologia ganha importância no debate sobre o que fazer para superar o modelo da ‘Revolução Verde’

  Agroecologia, uma questão de saúde - Movimentos sociais, sanitaristas e organizações internacionais apontam as contradições do atual sistema agroalimentar, produtor de doença e injustiça social. Por André Antunes - EPSJV/Fiocruz O atual sistema agroalimentar é produtor de doença, iniquidade social e injustiça ambiental. As evidências disso se acumulam: da contaminação de alimentos e intoxicação de trabalhadores rurais por agrotóxicos, passando pela poluição do ar, dos rios e dos solos pelos resíduos de

Redes de agroecologia como uma alternativa à agricultura industrial

  Redes de agroecologia como uma alternativa à agricultura industrial. Entrevista especial com Paulo Petersen IHU “Um dos principais objetivos da agroecologia é construir sistemas agroalimentares localizados, aproximando a produção do consumo. Isso só é possível quando os atores dos territórios se articulam em redes para retomar a autonomia sobre os processos de produção, transformação, comercialização e consumo”, diz Paulo Petersen, coordenador executivo da AS-PTA e membro do Núcleo Executivo da Articulação Nacional de Agroecologia - ANA,

Dialética da agroecologia, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] RIBEIRO (2014) apresenta resenha linear da obra de MACHADO e MACHADO FILHO (2014), que se mostra linear e exaustiva, mas nem por isso menos instigante, reveladora e inspiradora. O livro original foi publicado pela Expressão Popular intitulado de “A dialética da agroecologia” que traz uma importante reflexão e contribuição para um mundo com alimentos sem veneno. A relevância do assunto deve-se pela evidencia da questão mundial da insegurança alimentar

Agroecologia urbana, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] SOUZA-OLIVEIRA e PEREZ JR (2015) avaliaram as possibilidades de realização da agroecologia urbana. Os resultados obtidos demonstram que é possível obter produtos ainda que em espaços reduzidos em áreas urbanas. A experiência mostrou a eficácia tanto no modelo agroflorestal quanto na horta em espiral. O estabelecimento da Agroecologia como protagonista de novo paradigma, tem despertado um público preocupado com as questões ambientais e também grupos que buscam a interação entre

Agroecologia e capacidade de uso das terras tem relação direta

    A partir de uma análise comparativa entre agroecologia e capacidade de uso das terras, verificou-se estreita relação entre eles, como norteadores para o desenvolvimento da agricultura sustentável. Em muitos casos, o uso de uma área não é conduzido de forma compatível com o potencial dos agroecossistemas, resultando em problemas de degradação dos solos e a consequente perda de competitividade do setor agrícola, além da deterioração da qualidade de vida da

Agroecologia: incomodando a sociedade dos alimentos enlatados, por Ruy Sposati

  Cimi – Conselho Indigenista Missionário Práticas agroecológicas revaloram comunidades que produzem e têm tempo de descanso, que cooperam e não competem, turbinando o pensamento sobre mudar o mundo     Por Ruy Sposati, do 3o. Encontro Tocantinense de Agroeocologia/TI Apinajé O Estado e o mercado ignoram – quando não combatem – as múltiplas formas de se alimentar, produzir, falar e viver de pescadores, camponeses, indígenas, quilombolas e quebradeiras de coco. É preciso reagir – afirmaram os

Agroecologia e Aptidão Agrícola das Terras: Convergências para a Sustentabilidade, por Lauro Charlet Pereira e Marco Antônio Ferreira Gomes

AGROECOLOGIA E APTIDÃO AGRÍCOLA DAS TERRAS: CONVERGÊNCIAS PARA A SUSTENTABILIDADE. Lauro Charlet Pereira1 Marco Antônio Ferreira Gomes1 1Pesquisadores da Embrapa Meio Ambiente E-mail: lauro.pereira@embrapa.br ; marco.gomes@embrapa.br [EcoDebate] A preocupação com as questões ambientais têm crescido, sobretudo a partir da década de 60, quando se iniciou a “revolução ambiental” nos Estados Unidos. Na verdade, trata-se de um tema de grande relevância, visto que, independente da classe social ou condição econômica, atinge a todos. Dentre os

Edital para redes de agroecologia recebe inscrições até dia 15/12

    Iniciativa tem recursos da Fundação BB, BNDES e Fundo Amazônia Termina no dia 15 o prazo de inscrições para o edital destinado a novas propostas de redes de agroecologia ou ao fortalecimento das já atendidas pela seleção do Ecoforte em 2014, desde que integrem novos grupos ou organizações produtivas. A iniciativa é da Fundação Banco do Brasil, em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o Fundo

Percepção ambiental da agroecologia, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] SCHMITT et al (2013) avaliam a percepção de consumidores, produtores e dirigentes pertencentes às cooperativas de agricultura familiar de cinco municípios da microrregião de Santa Rosa/RS. O instrumento de pesquisa utilizado foi a entrevista, onde houve preocupação em determinar o tempo percebido como necessário para a depuração do solo e suas percepções sobre o uso de metodologia agroecológica ou convencional. Os dados obtidos revelaram que, metade dos entrevistados, julgaram necessário

Encontro de Povos e Comunidades destaca agroecologia como ferramenta de luta em defesa do Cerrado

  No segundo dia do Encontro de Povos e Comunidades do Cerrado, quinta-feira, 28, realizado em Balsas, no Maranhão, a atividade “Partilhando Vida e Resistência no Cerrado” foi o palco de apresentações de experiências de luta vindas dos nove estados que abrigam o bioma. O ambiente foi propício para propostas e estratégias de atuação e, dentre elas, a Agroecologia, abordada na “Fonte Rio Tocantins” – um dos espaços de discussão do

Agroecologia e sinergia social, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A missão da AS-PTA está centrada no combate à fome e à pobreza no meio rural brasileiro. Para o desempenho desta missão, a organização está dedicada à promoção da assistência técnica inteiramente gratuita na dimensão do desenvolvimento sustentável e da agroecologia. A AS-PTA - Agricultura Familiar e Agroecologia é uma associação de direito civil, sem fins lucrativos, que desde 1983, atua para o fortalecimento da agricultura familiar e da

Top