Agrotóxicos, histórico e novidades, Parte 3/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] BORSÓI et. al. (2014) afirma que o excesso de aplicação de agrotóxicos tem originado consequências negativas, como o desaparecimento de algumas espécies de insetos úteis e aparição de novas pragas. Além disso, muitas espécies de insetos se tornaram resistentes a certos inseticidas, o que levou à busca de novos produtos de maior seletividade. Dos compostos usados em grande escala, encontram-se, inicialmente, os organoclorados, depois os organofosforados, carbamatos, piretróides e toda

Agrotóxicos, histórico e novidades, Parte 2/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] BORSÓI et. al. (2014) ressalta que os agrotóxicos ganharam excesso de importância e foram negligenciadas as técnicas de aplicação empregadas (CUNHA, 2008) e o impacto dos agrotóxicos na saúde direta dos agricultores, da população ao consumir os alimentos com resíduos de agrotóxicos devido à contaminação de cereais, frutas e hortaliças e da contaminação do meio ambiente, principalmente solo, água e ar (GALT, 2008; FONTENELE et al., 2010, PEDLOWSKI et

Agrotóxicos, histórico e novidades, Parte 1/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] BORSÓI et. al. (2014) assinalam que o meio ambiente envolve todos os seres vivos e inanimados que ocorrem na Terra, ou alguma região dela, que afetam os ecossistemas e a vida. É compreendido pelo conjunto de condições, leis, influências e infraestrutura de ordem física, química e biológica, que permite, abriga e rege a vida em todas as suas formas. A relação entre meio ambiente e agrotóxicos é extremamente complexa, pois todo

Modelo agrícola e reforma agrária, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Leonam Bueno Pereira e Raimundo Pires Silva realizam fundamentada reflexão denominada 'Quando os gafanhotos constroem o amanhã' sobre o modelo de agricultura convencional. A metáfora dos Gafanhotos que dá título a este artigo é bem a dimensão do significado da questão ambiental no país, e em especial, da preservação de nossas florestas. Por economia de espaço não se vai reproduzir as narrativas sobre a 'praga de gafanhotos' que sobrevêm sobre

Reforma agrária e meio ambiente, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] As relações entre meio ambiente e questão agrária são temas de extrema importância para uma nação que busca construir o seu desenvolvimento. Esta construção tem sido objetivo de governo. A função social da propriedade da terra foi colocada na Constituição de 1988 como um avanço no ordenamento jurídico do país que trata das funções da propriedade privada. Trouxe para o debate nacional a necessidade de se estabelecer direitos e deveres a

Mito do uso seguro de agrotóxicos, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Any Cometti noticia que a Campanha Contra os Agrotóxicos divulgou uma pesquisa que comprova a inviabilidade do uso seguro de agrotóxicos. A dissertação de mestrado do pesquisador Pedro Henrique de Abreu conclui claramente que ?não existe viabilidade de cumprimento das inúmeras e complexas medidas de 'uso seguro' de agrotóxicos no contexto socioeconômico destes trabalhadores rurais?. O trabalho foi aprovado no Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva da Universidade Estadual de

Agronegócio e monoculturas, Parte 2/2, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Prosseguindo em sua reflexão, a FASE que é uma organização não-governamental voltada para a promoção dos direitos humanos, da gestão democrática e da economia solidária manifesta que o modelo agrícola aliado à concentração urbana e à massificação das mídias, modificou profundamente o consumo. Há uma padronização do gosto em escala planetária. Quatro grãos, a saber arroz, milho, trigo e soja, concentram a quase totalidade do consumo de cereais. Inicialmente evoluem

Agronegócio e monoculturas, Parte 1/2, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A FASE que é uma organização não-governamental voltada para a promoção dos direitos humanos, da gestão democrática e da economia solidária exerce fundamentada reflexão, asseverando que atualmente os ciclos produtivos ocupam todo o território dos países. Nas culturas anteriores, para exportação de cana, café, borracha, cacau, algodão, ocupavam espaços delimitados do território, mantendo-se confinadas neles ou trocando por outras áreas. Hoje os ciclos produtivos tendem a se espraiar por todo

Agrotóxicos e doenças não transmissíveis, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] WAISSMANN (2007) afirma que a agricultura intensiva é um dos esteios históricos da lógica exportadora do estado brasileiro. Mais que significar um espaço produtivo gerador, vem significando, ao longo dos séculos, momento perpetuador do uso abusivo e exclusivo do solo. Permitindo desde a utilização da força de trabalho escrava até a expulsão da terra de levas intermináveis de migrantes que acabam por fluir aos grandes centros. WAISSMANN (2007) relata que a

Visão ambiental da produção orgânica, Parte 3/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] As substâncias químicas dos agrotóxicos também são consideradas poluentes. Sabe-se que apenas 3% dos agrotóxicos pulverizados atingem o seu alvo e os demais permanecem como resíduos nos produtos e são levados pela deriva ou caem no solo. Produzindo eutrofização, após serem lixiviados dos solos e levados para os corpos de água. Cultivos orgânicos tendem a não produzir eutrofização dos mananciais hídricos. Eutrofização é o fenômeno ou processo no qual o

Visão ambiental da produção orgânica, Parte 2/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] É permitido na agricultura orgânica, o preparo convencional do solo com uso de arados e grades, desde que não seja profundo e excessivo, capaz de desestruturar o solo. A permanente cobertura do solo é essencial para a manutenção da umidade, do solo e seus nutrientes, ajudando no controle de invasoras e melhorando com o tempo as características químicas, físicas e biológicas. Medidas para conservação da área devem ser adotadas, como o

Visão ambiental da produção orgânica, Parte 1/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] O grande desafio da atualidade é garantir a segurança alimentar, com alimentos saudáveis sem comprometer o meio ambiente e as gerações futuras. Com as características de sustentabilidade e produtos de qualidade com certificação de origem, a agricultura orgânica se apresenta como alternativa em ampla expansão em nível mundial. Esse aumento é consequência do alto do custo da agricultura convencional, da degradação do meio ambiente e da crescente exigência dos consumidores por

Top