Sinais e Sintomas de Envenenamento por Agrotóxicos, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Sempre ocorre lembrar que as pessoas leigas e que exercem as mais variadas atividades, não podem ser expostas a reflexão similar a sintomatologia encontrada em sites especializados em medicina. Mas buscar determinar a ação dos agrotóxicos sobre a saúde humana, que costuma ser deletéria e muitas vezes fatal, provocando desde náuseas, tonteiras, dores de cabeça ou alergias até lesões renais e hepáticas, cânceres, alterações genéticas e doença de Parkinson, merece

Crise hídrica ou nova relação com recursos hídricos, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Na verdade não se vive crise de recursos hídricos. A situação demonstra claramente que é necessária nova atitude e nova relação com todos os fatores ambientais. Não é só o desmatamento ou a mudança climática que reduzem as chuvas e provocam crises. É a necessidade de uma nova postura frente a todas as intervenções ambientais. Criar e manter unidades de conservação (UCs) da natureza nas áreas urbanas pode ser uma

Resíduos de Agrotóxicos em frutos e hortaliças, parte 3/3 (Final), artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] REIS (2013) mostra que resíduos de 16 organoclorados (OCP) foram investigados em 39 amostras de farinha de trigo, óleo de girassol, açúcar branco e subprodutos de beterraba adquiridos na província de Vojvodina, na Sérvia, entre 2002 e 2004. O inseticida 4,4-DDT (diclorodifeniltricloroetano) foi detectado com maior frequência (76,9 %) em relação ao total das amostras analisadas, seguido pelo lindano (66,7 %), β-HCH (beta-hexaclorocicloexano) (48,7 %), e endosulfan II (41,0

Resíduos de Agrotóxicos em frutos e hortaliças, parte 2/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] REIS (2013) assevera que a crescente demanda por alimentos, acompanhada pelo aumento da área cultivada, propiciou maior utilização de agrotóxicos nos alimentos de origem vegetal para compensar os problemas do processo produtivo, principalmente relacionados à infestação de pragas (GAMA et al., 2013). Assim, os alimentos são considerados a principal fonte de exposição dos seres humanos aos agrotóxicos (GONZÁLEZ-RODRÍGUEZ et al., 2008; RIVAS et al., 2007). Os agrotóxicos podem ser bioacumulados

Resíduos de Agrotóxicos em frutos e hortaliças, parte 1/3, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] REIS (2013) apresenta discussões provenientes de pesquisas sobre resíduos de agrotóxicos em alimentos de origem vegetal, com enfoque na determinação dos Limites Máximos de Resíduos (LMR) desses produtos em frutas e hortaliças. Foram abordados também o Programa de Análise de Resíduos de Agrotóxicos em Alimentos (PARA) e o Plano Nacional de Controle de Resíduos e Contaminantes de Produtos de Origem Vegetal (PNCRC/Vegetal) criados pelo Ministério de Agricultura, Pecuária e Abastecimento

Agrobiodiversidade, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] FERNANDES et al (2014) asseveram que rápidas mudanças sociais e os processos de aculturação econômica e social afetam fortemente a agrobiodiversidade de propriedades. A fim de identificar a agrobiodiversidade presente em propriedades em processos de transição agroecológica, investigam as plantas alimentícias, medicinais e condimentares presentes nos sistemas de produção familiares utilizando questionários semiestruturados. Observam ainda que plantas alimentícias são as mais consumidas quando comparadas com medicinais e condimentares. E que espécies

Até onde se vai com resíduos de agrotóxicos nas plantas, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] MIRANDA e BORGES (2014) fazem avaliação da presença de resíduos de agrotóxicos em alimentos no distrito federal, entre 2009 e 2012, encontrando médias entre 20 e 40% de amostras insatisfatórias em relação ao total analisado. Nas amostras insatisfatórias foram encontrados 08 ingredientes ativos de agrotóxicos que estão em reavaliação toxicológica ou em fase de descontinuidade programada pela ANVISA. Adicionalmente, em todas as amostras insatisfatórias foram encontrados diversos agrotóxicos não autorizados

Série de artigos : Relação cidade x natureza, por Roberto Naime

    Relação cidade x natureza, parte I [EcoDebate] SILVA et. al. (2015) discutem os problemas ambientais nas ultimas décadas, sob a dimensão da relação entre cidade e natureza. Estas discussões evidenciam a questão ambiental aliada ao contexto sociopolítico e econômico. Os parques urbanos surgem no século XIX na Europa num cenário de crescente desordenamento migratório do campo para cidade, mecanização pesada nas cidades e problemas de poluição e saúde de um modo

Meio ambiente e os princípios da prevenção e precaução, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A civilização humana vive em um estágio evolutivo das relações sociais que é muito complexo, caleidoscópico e multifacetado, que caracteriza o que tem se denominado classificar como sociedade de risco, segundo manifestações sintetizadas da obra de grandes ícones como Ulrich Beck. Os pensadores e operadores do direito atribuem para a palavra princípio, em sua raiz latina última, significa ‘aquilo que se toma primeiro’ (do latim “primum capere”), designando o início,

Telhados Brancos e Telhados Verdes, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Um dos grandes desafios da perspectiva de inclusão integral dos parâmetros de sustentabilidade na construção civil envolve a discussão sobre o uso de coberturas. Recobrimentos vegetais, que até já são obrigatórios em alguns raros sítios, e telhados brancos, que por sua refletividade da luz solar podem contribuir para diminuição da absorção do calor do sol, maior conforto térmico e melhores condições de sustentabilidade pela redução de consumo de energia

Perdas de água potável na distribuição, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Este é um tema recorrente, mas que nem por isso merece ser negligenciado. Imagine se na indústria farmacêutica houvessem perdas de 36 ou 38% nos caríssimos sais que constituem as mais importantes matérias primas. São estimadas perdas bem inferiores a 1% para viabilizar indústrias farmacêuticas. Na indústria têxtil se estima valores que oscilam entre 1 e 2% de perdas na matéria-prima constituída por fios têxteis. E já se considera este

Aquífero da Gurguéia, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A região sul do estado do Piauí abriga uma das maiores reservas subterrâneas de água do planeta. Hospedado numa rocha descrita como um arenito conglomerático, situa-se o aquífero da Gurguéia, que tanta potencialidade tem para modificar os parâmetros civilizatórios da região, que insuflam até um movimento separatista existente no meio sul do estado do Piauí. O aquífero da Gurguéia se encontra em boa porção confinado, gerando condição de artesianismo, ou

Top