Telhados Brancos e Telhados Verdes, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Um dos grandes desafios da perspectiva de inclusão integral dos parâmetros de sustentabilidade na construção civil envolve a discussão sobre o uso de coberturas. Recobrimentos vegetais, que até já são obrigatórios em alguns raros sítios, e telhados brancos, que por sua refletividade da luz solar podem contribuir para diminuição da absorção do calor do sol, maior conforto térmico e melhores condições de sustentabilidade pela redução de consumo de energia

Perdas de água potável na distribuição, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Este é um tema recorrente, mas que nem por isso merece ser negligenciado. Imagine se na indústria farmacêutica houvessem perdas de 36 ou 38% nos caríssimos sais que constituem as mais importantes matérias primas. São estimadas perdas bem inferiores a 1% para viabilizar indústrias farmacêuticas. Na indústria têxtil se estima valores que oscilam entre 1 e 2% de perdas na matéria-prima constituída por fios têxteis. E já se considera este

Aquífero da Gurguéia, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A região sul do estado do Piauí abriga uma das maiores reservas subterrâneas de água do planeta. Hospedado numa rocha descrita como um arenito conglomerático, situa-se o aquífero da Gurguéia, que tanta potencialidade tem para modificar os parâmetros civilizatórios da região, que insuflam até um movimento separatista existente no meio sul do estado do Piauí. O aquífero da Gurguéia se encontra em boa porção confinado, gerando condição de artesianismo, ou

Ecologia Profunda, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A ecologia profunda é uma concepção filosófica proposta no início da década de 70 do século passado pelo pensador e filósofo norueguês Arne Naess. Sua evolução é atribuída a uma reação dos indivíduos à visão hegemônica, então dominante sobre a maximização de utilização dos recursos naturais. A ecologia profunda possui influência do pensamento de Mahatma Gandhi, Henry David Thoreau, Jean Jacques Rousseau, Aldo Leopoldo na “ética da terra” e de

Contaminação ambiental por cemitérios, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Um dos maiores especialistas do país, na contaminação gerada pela percolação de necrochorume nos terrenos, é o geólogo Leziro Marques da Silva que atua na área há algumas décadas. Alicerçado em observações realizadas por este agente ambiental, se estima que cerca de 75% dos cemitérios do país tenham problemas com vazamentos de necrochorume, que é o líquido resultante da decomposição dos corpos, e que contamina preferencialmente aquíferos freáticos e

Natureza e externalidade, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] O economista Marcus Eduardo de Oliveira realiza interessante abordagem de como a economia clássica percebe o meio ambiente. Sob o manto do ensinamento tradicional, equivocadamente a economia como ciência, apenas encarou a natureza como fonte provedora e fossa ou sumidouro de recursos. Dessa maneira, na tradicional linguagem dos economistas, a natureza sempre foi vista e tratada como “externalidade”, uma vez que, aos olhos da escola neoclássica ou ortodoxa, o meio ambiente

Sustentabilidade planetária, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Não ocorre tornar ideológicas as discussões, pois isto não contribui em nada para a formulação de soluções satisfatórias, mas algumas realidades se evidenciam, exigindo novas posturas e atitudes. Se cada indivíduo ou cada cidadão da Índia ou da China alcançar o mesmo padrão de uso dos recursos naturais que um indivíduo ou cidadão norte-americano, então seria necessário ampliar a exploração de recursos naturais em mais de 20 vezes. E obviamente o

Um novo arranjo de equilíbrio, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Países como o Butão já substituíram a noção de acumulação de bens que é sustentada no Produto Interno Bruto (PIB), por indicadores de felicidade existencial para mensurar parâmetros de vida. Também já induziram e determinaram o uso apenas da agricultura orgânica, dispensando a ‘venenama’ dos agrotóxicos ou aos organismos geneticamente modificados, chamados de transgênicos. Este é o caminho para novo arranjo de equilíbrio? Sem dúvida, pode ser uma nova trilha por

Pesca sustentável e manejo florestal, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Tomaz Silva da Agência Brasil, desenvolve matéria sobre pesca sustentável, que é um dos grandes desafios das comunidades ribeirinhas. Ressalta que um dos grandes desafios pelos quais passam diversas comunidades ribeirinhas da Amazônia tem sido o de pescar de forma sustentável. E evitar que a fartura de um ano resulte em escassez de pescado no ano seguinte. O princípio pode ser aplicado a várias outras atividades típicas desenvolvidas pelos ribeirinhos da

Due diligence, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] A expressão “due diligence” deriva do conceito do Direito Romano “diligentia quam suis rebus”, ou seja, a diligência de um cidadão em gerenciar suas coisas. A expressão “due diligence” traduzida literalmente significaria “devida cautela ou diligência”. O foco é limitado à área jurídica, como forma de precaução quanto aos passivos ambientais. Se deseja demonstrar a necessidade deste procedimento, bem como a relevância das garantias contratuais, para o cenário econômico e

Impactos da produção de carne, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Até há bem pouco tempo atrás, as discussões ambientais restringiam-se a proteger ursos panda, evitar desperdício de água e reciclar latinhas de cerveja. A crise ambiental mais complexa, é resultante da repetição ao longo de décadas, de hábitos de consumo coletivos e individuais predatórios, mas abençoados pela lógica de mercado e por uma cultura de sobre-consumismo permanente. Entre os hábitos está o consumo indiscriminado de carne de qualquer origem. A atual

Algas Kelps, artigo de Roberto Naime

    [EcoDebate] Laminariales é uma ordem de grandes algas, também denominadas por “kelp”. Apesar da sua aparência de grandes plantas marinhas, não pertencem ao reino das plantas e algas verdes. São conhecidos perto de 30 gêneros. Estas algas crescem em bosques submarinos chamados de bosques de algas, em águas superficiais e claras, ricas em nutrientes e temperaturas abaixo de 20 °C. Estes bosques oferecem proteção a algumas criaturas marinhas, e alimentos para

Top